Três Homens em Conflito (1966)

***Texto escrito pelo colaborador Anderson. Não esqueçam de comentar este post, curtir o facebook e seguir o twitter! Abraço!

Quando se pensa em filmes de faroeste, os populares “bang-bang” logo lembramos de uma música em especial. Quem nunca a ouviu?

O responsável por essa sinfonia é o grande maestro e compositor Ennio Morricone, que já trabalhou na trilha sonora de mais de 500 filmes e programas de televisão. O tema do filme italiano Três Homens em Conflito talvez seja seu maior sucesso. Além de possuir uma ótima e original trilha sonora, esse filme é considerado o melhor do estilo conhecido como “western spaghetti” (Faroeste). Abaixo, imagens do diretor do filme, o italiano Sergio Leone em momentos de depressão causada pelo forte calor e o compositor Ennio Morricone altamente concentrado:

Pois bem, para ser um bom filme de faroeste, o enredo sempre deve ter um herói, um bandido e uma mocinha, certo? Errado. O nome original do filme já resume tudo: Il buono, il brutto, il cattivo (O Bom, o mau e o feio). Sim, senhoras e senhores, trocaram a mocinha do herói por um feio! E o cara é feio mesmo, deem uma olhada nesse personagem do ator Eli Wallach:

Além do feio, temos o mau, representado pelo ator Lee Van Cleef:

E por último, mas não menos importante, no papel do “bom” temos nada mais, nada menos, que Clint Eastwood, um dos atores e diretores mais aclamados do mundo. Ele é o diretor de obras como “Menina de Ouro (2004)” e “Sobre meninos e lobos (2003)”.

A história se passa em plena Guerra Civil Americana, onde os 3 personagens principais buscam uma fortuna em ouro enterrado. A ideia principal é encontrar esse tesouro, mas no filme acontece de tudo: tiroteios, enforcamentos, trapaças, alianças entre inimigos, batalhas de guerra e cenas memoráveis de suspense. Prato cheio para quem curte o gênero! Algumas imagens e cartazes do filme:

Abaixo, um trailer do filme feito por fãs, que anexaram uma versão da banda Metallica para a música “Ecstasy of gold” composta pelo maestro Ennio Marricone para o filme:

E agora, a versão do Metallica ao vivo, em cores e em alto bom som:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s