Evangelion #12 – JBC

Título: Neon Genesis Evangelion Edição Especial
Editora: JBC
Volume: 12
Data: Outubro/2012
Roteiro/Desenhos: Yoshiyuki Sadamoto
Gênero: Mangá
Páginas: 180
Preço de capa: R$ 10,90

A invasão da base da NERV pelos militares da Seele se intensifica, e os pilotos dos Eva correm grande perigo. Shinji quase é eliminado por soldados inimigos, mas a aparição de seu pai muda o rumo de tudo. Por meio de conversas do piloto com Gendo e Misato, sabemos mais sobre o plano de instrumentalização humana e os segredos de Lilith e Adão.

Asuka desperta do coma e começa a batalhar com os militares, mas é surpreendida por inimigos inesperados.

Para compensar os momentos tensos dos volumes passados, um pouco de ação desenfreada para os leitores! Sem deixar ninguém vivo pela frente, as Tropas da Força de Autodefesa Tática do Japão invadem a Nerv. Por mais que hajam armadilhas, os militares estão em maior número e muito mais preparados.

No meio dessa confusão toda, Shinji se encontra com seu pai. Gendo conta a verdade por trás de seus planos, e tudo é basicamente uma vingança contra Deus, por ter lhe tomado sua esposa e mãe de Shinji, Yui. Num diálogo extremamente tenso, que expõe o pior lado da ganância do homem.

Enquanto isso, Asuka foi colocada dentro da Unidade 2 e enviada para o fundo do lago que há no Geofront, para que fosse protegida. Dentro do Eva, ela se vê diante de sua mãe, e descobre que ela esteve sempre presente dentro da Unidade 2. Interessante observar como Shinji também se deparou com sua mãe dentro da Unidade 1. Talvez os EVAs foram construídos a partir da essência de suas mães, ou então a sincronização seja talvez o processo de compreensão do EVA para com o piloto.

Após esse choque, Asuka recobra a consciência e parte para o ataque. No meio de toda a destruição, a Seele ordena o ataque da Série Eva. Uma produção em massa de 9 unidades de EVAs que utilizam o mecanismo de inteligência S2. A cena em que eles aparecem no campo de batalha é algo épico.

Misato resgatou Shinji das garras de seu pai e agora os dois tentam escapar dos militares. Entre tantos tiros, Misato beija Shinji de uma “forma adulta”. Este momento é decisivo para a vida do jovem, e o toque dos lábios valeu mais que mil palavras.

Vale a pena ler? Evangelion está chegando a seu clímax. Gendo está praticamente invencível e cada vez mais próximo de realizar seu plano. Qual será o destino da humanidade afinal? Adorar o novo deus Gendo, ou então um reinício?

Música-tema: Pearl Jam – Last Kiss. “Oh where, oh where, can my baby be? / The Lord took her away from me / She’s gone to heaven so I got to be good / So I can see my baby when I leave this world.”. “Ó onde, ó onde, minha garota pode estar? / Deus tirou-a de mim / Ela foi para o céu então tenho que ser bom / Então poderei ver minha garota quando eu deixar este mundo.” De uma certa forma, esta letra server tanto para o Gendo e sua garota Yui, como para a Misato e seu romance, Kaji.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s