Artistas #010 – Hergé

Georges Prosper Remi (22 de maio de 1907 – 3 de março de 1983), conhecido pela alcunha Hergé, foi um belga escritor e artista de quadrinhos. Seu trabalho mais conhecido e substancial é a série em 23 volumes das Aventuras de Tintin, a qual ele ilustrou e escreveu desde 1929 até sua morte em 1983. Também responsável por duas outras séries bem conhecidas, Quim & Filipe (1930 – 1940) e Jo, Zette et Jocko (1936 – 1957), suas obras foram desenhadas no estilo de linha clara.

Nascido em uma família de classe média baixa, Hergé se interessou pelo escoteirismo, produzindo ilustrações e a série Totor para revistas católicas e de escotismo. Em 1925, começou a trabalhar para o jornal conservador Le XXe Siècle, onde sob a influência de Norbert Wallez, iniciou em 1929 a série do jovem repórter Tintin, com a primeira aventura Tintin No País Dos Sovietes. Sucesso dentro de seu país, ele continuou as séries As Aventuras de Tintin e Quick & Filipe no jornal. Depois que o Le XXe Siècle foi fechado durante a ocupação pela Alemanha nazista, Hergé continou a trabalhar para o Le Soir. Passados alguns problemas, ele prosseguiu para a criação da revista do Tintin, da qual permaneceu como diretor artístico no Studio Hergé até sua morte.

As obras de Hergé são amplamente aclamadas por seu desenho claro e meticuloso, enredos bem embasados, e como fonte de diversas adaptações. Permanecendo como uma forte influência no meio das HQs, particularmente na Europa, ele é um proeminente símbolo nacional de seu país natal, a ponto de ser descrito como a “personificação da Bélgica”. Desde 2009, um museu para o Hergé foi aberto em Louvain-La-Neuve.

Além de Tintin, algumas de suas outras obras são:

  • Totor, CP des Hannetons – 1926 a 1930
  • Les Aventures de Flup, Nénesse, Poussette et Cochonnet – 1928
  • ‘Le Sifflet’ – 1928 a 1929
  • Dropsy – 1934

Fonte: Wikipedia BR e EN

Fonte: Yatzer

Fonte: Yatzer

Fonte: Skyarts

Fonte: Skyarts

Infelizmente não encontrei muitas imagens das outras obras de Hergé, então este post se limitou muito ao Tintim. Dúvidas, críticas, sugestões, são bem-vindas nos comentários. Ah, não esqueça de compartilhar com seus amigos 😉 Nos vemos!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s